Reencontro marcado com a Chapada dos Veadeiros

Elane Pires, de 41 anos, mora em Taguatinga, no Distrito Federal. Pratica corrida há pouco mais de dois anos e confessa ser uma apaixonada pela Chapada dos Veadeiros. Correu a etapa no ano passado e já planeja correr por lá novamente em 2018.

“Eu amo a Chapada dos Veadeiros. É um lugar lindo que sempre frequentei. Suas cachoeiras e trilhas lindíssimas. Sempre percorri essas trilhas caminhando, nunca correndo. Até que a convite de uma amiga tive a oportunidade de participar da Copa Centro-Oeste de Corridas de Montanha em 2017.

Me inscrevi no percurso médio, de 14K. Foi muito bom. Extremamente agradável.  O percurso é lindo, mas não é de todo fácil. Trata-se de uma corrida de montanha, em trilhas. Sendo assim, nunca é muito fácil, mas é lindo e gratificante.

No dia da prova o clima estava ameno, com um pouco de neblina. A chapada, que naturalmente já é linda, apresentou uma imagem mais linda ainda. Algo que não estamos muito acostumados, com uma neblina nos campos por onde passávamos. A paisagem se tornou mais marcante.

Antes desta prova, havia participado de treinos em trilhas, sendo a etapa Chapada dos Veadeiros minha primeira prova oficial. Depois dela, participei das outras duas etapas da Copa Centro-Oeste e pretendo participar novamente, este ano.

A organização da prova não deixa a desejar. É uma prova com características de montanha e algumas dificuldades fazem parte da experiência. Para mim, prova de montanha é também prova de resistência, de superação. Vamos lá nos testar, nos avaliar, nos aprimorar. E e a organização nos proporciona isso com segurança. Por isso vale muito à pena. Mude de vida, venha para as Corridas de Montanha!”

#corridasdemontanha #copacentrooeste #chapadadosveadeiros #mudedevida